As Aldeias Mais Remotas de Portugal | Off The Road

As Aldeias Mais Remotas de Portugal

Bem-vindo ao mundo das aldeias remotas de Portugal, onde a autenticidade e a beleza natural se fundem para criar experiências de viagem verdadeiramente memoráveis.

Neste artigo, vamos explorar algumas das aldeias mais encantadoras e fora do comum que Portugal tem para oferecer, desde a pitoresca Aldeia da Pena até à tranquila Aldeia do Penedo.

Prepare-se para descobrir arquitetura tradicional, gastronomia regional e atividades únicas em meio a paisagens deslumbrantes. Vamos começar esta jornada que eu adorei fazer, pela diversidade cultural e paisagística das aldeias mais remotas de Portugal.

Viajar para fora cá dentro

“Viajar para fora cá dentro”. Este slogan de autoria portuguesa, ainda não perdeu seu brilho! Continua a lembrar-nos da riqueza e diversidade que nosso país tem para oferecer, uma fonte inesgotável de maravilhas que muitas vezes ignoramos na nossa ânsia por destinos distantes.

Em Portugal, cada curva da estrada, cada vila escondida nas montanhas, cada aldeia remota são um convite para nos aventurarmos além das rotas turísticas habituais e mergulharmos nas raízes da nossa cultura e história.

Há tanto por descobrir em Portugal, tanto para nos encantar e inspirar. É neste espírito de exploração e apreciação que fazemos o convite para esta jornada, onde vamos à descoberta das aldeias mais remotas de Portugal.

Aldeia da Pena: Um Refúgio Tranquilo nas Montanhas da Serra da Arada

Fonte: Câmara Municipal de São Pedro do Sul | Vista aldeia da pena

A aldeia da Pena, localizada nas montanhas da Serra da Arada, destaca-se por seu ambiente tranquilo e cercado pela natureza. Preservando tradições rurais, a aldeia é conhecida pela produção de vinho, mel e artesanato local. Uma dica, quando chegar, não se assuste com a descida íngreme, pode parecer que não mas faz-se bem.

Os eventos locais, como a Festa de São João, e os eventos culturais destacam a música e danças tradicionais. Na gastronomia, pratos típicos da região, como o cabrito assado e o cozido à portuguesa, são imperdíveis.

Para os amantes da natureza como eu, recomendo fazer um dos muitos trilhos que existem pela Serra da Arada. Quando estive por aqui, fiz uma caminhada com as minhas cadelas, e acabamos a petiscar na Adega Típica da Pena, uma delícia!

Trilho sugerido:

  • Trilho da Pena e da Misarela
  • Descrição: Explorar a beleza natural da região, passando por florestas, riachos e paisagens montanhosas. Além disso, inclui a Cascata da Misarela como ponto de interesse.

Aldeia de Piódão: O Tesouro em Xisto nas Encostas da Serra do Açor

Fonte: Aldeias Históricas de Portugal | Piódão igreja e ribeiro.

Em seguida, mergulhamos na atmosfera única de Piódão, conhecida por sua arquitetura em xisto que se harmoniza perfeitamente com a paisagem da Serra do Açor.

Aqui, as tradições antigas preservam-se, tanto na produção de artesanato em xisto como em festas populares em junho e agosto, que celebram a identidade desta comunidade.

Delicie-se com o cabrito assado e os queijos da Serra do Açor e as compotas caseiras da região. Em breve irei escrever um artigo sobre os melhores trilhos para fazer com cães, e de certeza que vou falar de Piódão, aqui não faltam trilhos e cascatas! Visite o Museu do Pião, caminhe pelos trilhos da Serra do Açor e explore as aldeias vizinhas em xisto.

Nunca fiquei aqui hospedada, porque há pouca oferta, mas se conseguir marcar com tempo é possível. Eu tenho nos meus favoritos o Story Studio Piódão, uma típica casa de xisto for fora, mas com a decoração e conforto no interior, que bem merecemos nas nossas escapadinhas!

Trilho sugerido:

  • PR1 Fajão – Piodão
  • Descrição: Trilho circular com a paisagem deslumbrante da Serra do Açor, passando por florestas de carvalhos, riachos e vales verdejantes, e oferecendo vistas panorâmicas sobre a aldeia de Piodão.

Aldeia de Monsanto: Entre Rochas de Granito, uma Aldeia com Alma

Fonte: Aldeias Históricas de Portugal | Aldeia de Monsanto

Monsanto cativa os viajantes com suas casas construídas em imponentes rochas de granito, criando uma paisagem única.

Aqui, as tradições ancestrais, como a produção de queijo, são preservadas com orgulho, enquanto festas religiosas em junho e agosto dão vida à aldeia. Divague pelas ruas estreitas da aldeia, visite o Castelo de Monsanto e delicie-se com uma bela chanfana, um cabrito assado e os doces regionais à base de amêndoa, gastronomia típica desta região.

Na minha investigação, encontrei um alojamento que se chama Old House e que me pareceu perfeito, e que disponibiliza bicicletas para dar passeios pela zona.

Trilho sugerido:

  • Trilho de Monsanto
  • Descrição: Este trilho leva os caminhantes numa viagem pelas paisagens rochosas e pelas ruelas estreitas da aldeia de Monsanto, com vistas panorâmicas únicas da região.

Aldeia de Rio de Onor: Comunidade e Tradição nas Montanhas

Fonte: Aldeias de Portugal | Aldeia de Rio de Onor

Rio de Onor destaca-se pela sua organização comunitária da terra, onde ainda se praticam formas tradicionais de agricultura e pastorícia.

Imersa na vida rural, esta aldeia celebra festas como a de São João e Nossa Senhora da Guia em agosto.

Aqui o que se come é o cozido à portuguesa, e os enchidos caseiros. Pode participe em atividades agrícolas locais, fazer caminhadas e descobrir aldeias vizinhas.

Trilho sugerido:

  • Rota dos Pastores e dos Contrabandistas
  • Descrição: Este trilho circular leva os caminhantes através dos campos e montanhas, passando por paisagens deslumbrantes e pelos locais de interesse histórico-cultural da região.

Fajã dos Cubres, São Jorge: Beleza Natural entre Mar e Falésias

Fonte: Visit Azores | Vista para a aldeia de Fajã dos Cubres

Fajã dos Cubres encanta com suas paisagens deslumbrantes, onde o mar encontra as falésias, um autentico espetáculo de tirar o fôlego.

Aqui, a cultura é influenciada pelo mar, e não à melhor sítio para experimentar todo o tipo de pratos à base de peixe fresco, polvo grelhado, lapas e percebes. Também não faltam atividades ao ar livre, como caminhadas pela costa, mergulho, observação de aves marinhas e passeios de barco.

Trilho sugerido:

  • Trilho Fajã Grande – Fajã dos Cubres
  • Descrição: Este trilho linear leva os caminhantes ao longo da costa rochosa da ilha de São Jorge, oferecendo vistas panorâmicas deslumbrantes sobre o mar e passando por cascatas e áreas naturais intocadas.

Fajã Grande, Ilha das Flores: O Refúgio Intocado nas Montanhas

Fonte: SIARAM | Vista para a aldeia de Fajã Grande

Fajã Grande atrai os aventureiros com suas cascatas impressionantes, como a Cascata do Poco do Bacalhau, e ambiente intocado nas montanhas dos Açores.

Aqui, a vida rural e a conexão com a natureza são evidentes em cada esquina, até há quem diga que o tempo aqui passa de outra forma, mais lento, mais calmo. Mas não falta festa em março e junho celebram-se o São José e o São João, respetivamente.

Saboreie pratos tradicionais, como o caldo de peixe, o polvo estufado e os doces regionais à base de frutas locais. E explore as cascatas e trilhos naturais, observe baleias e golfinhos e desfrute da serenidade desta aldeia remota em Portugal.

Trilho sugerido:

  • Trilho Fajã Grande – Ponta da Fajã
  • Descrição: Este trilho linear oferece uma caminhada ao longo da costa acidentada da ilha de Flores, passando por paisagens deslumbrantes, falésias impressionantes e cascatas, com oportunidades para observação da vida marinha.

Aldeia da Lapa dos Dinheiros: Beleza Natural na Serra da Estrela

Fonte: Turismo do Centro | Praia Fluvial da Aldeia da Lapa dos Dinheiros

Localizada na terra do meu pai, Serra da Estrela, região da Beira Interior muito rica em cultura! A Aldeia da Lapa dos Dinheiros é uma verdadeira aldeia remota, cativa com sua beleza natural e atmosfera tranquila.

Aqui, a vida rural e as tradições da região da Beira Interior entrelaçam-se, proporcionando uma experiência autêntica. Delicie-se com o borrego assado, o queijo da Serra da Estrela e os doces conventuais, mas sem antes fazer um trilho, nesta região os trilhos são incríveis.

Aqui tenho dois alojamentos nos meus favoritos, um mais tradicional e económico, e outro mais diferente, que gostaria de experimentar, são eles: A Casa do Tio Plácido e o Ecofurtado.

Trilho sugerido:

  • PR1 Rota da Lapa dos Dinheiros
  • Descrição: Este trilho circular leva os caminhantes a explorar as paisagens naturais da Serra da Estrela, passando por vales, florestas e riachos, e proporcionando vistas panorâmicas da região.

Drave: Uma Jornada Pitoresca nas Montanhas de Arouca

Fonte: Arouca Geo Park | “Aldeia Mágica” de Drave

Drave cativa com sua localização remota nas montanhas da Serra de Arouca e sua atmosfera pitoresca. A aldeia é muito isolada, tanto que não é acessível de carro, e a aldeia mais próxima, Regoufe, fica a 4 quilómetros. Esta sim é uma aldeia verdadeiramente remota e abandonada, que merece uma visita.

Desfrute dos pratos tradicionais, como a vitela Arouquesa, o pão de ló e os doces conventuais. Depois, compense os excessos com uma caminhadas pelas montanhas, onde não vão faltar paisagens para fotografar.

Trilho sugerido:

Cidadelhe: Um Retiro Tranquilo na Beira Interior

Fonte: Aldeias de Portugal | Igreja de Cidadelhe

Cidadelhe recebe os viajantes com sua localização remota na região da Beira Interior e sua atmosfera tranquila. Aqui, a vida rural e as tradições ancestrais da região de Pinhel criam uma atmosfera bastante rural e autêntica, ideal para fugir da confusão da cidade.

Se por acaso vai em agosto, pode sempre assistir à Feira Medieval de Pinhel, característica da região. Em Cidadelhe os pratos regionais são o bacalhau à Lagareiro, o leitão assado e os doces típicos.

Visite monumentos históricos locais e explore a beleza natural das redondezas. A Quinta da Cidadelha oferece uma estadia rural autêntica em casas típicas da região.

Trilho sugerido:

Aldeia do Penedo: Um Refúgio Pacífico no Parque Natural de Montesinho

Fonte: Projeto 7 Maravilhas | Aldeia do Penendo

Finalmente, exploramos a Aldeia do Penedo, situada no Parque Natural de Montesinho, onde a beleza natural e a tranquilidade se unem para criar uma experiência relaxante.

Aqui, a vida rural e as tradições de Trás-os-Montes são evidentes em cada esquina. A festa típica chama-se Feira do Fumeiro e é conhecida por Portugal inteiro! Desfrute de pratos regionais, como o fumeiro, o cozido à portuguesa e os doces conventuais, e explore as maravilhas naturais do parque, como lagos e cascatas.

A Casa do Penedo oferece uma estadia com vista para a aldeia e as montanhas.

Trilho sugerido:

  • PR11 BGC – O lado português de Rio de Onor
  • Descrição: Este é o trilho oficial desta região. É um trilho circular leva os caminhantes a explorar o Parque Natural de Montesinho, passando por trilhos antigos, capelas históricas, o vale do rio Onor.

Então, para onde vai ser a primeira escapadinha de fim de semana?

Explorar além do convencional! Mergulhe na autenticidade e beleza das aldeias remotas de Portugal.

Desde a cultura local à gastronomia regional, cada aldeia oferece uma experiência única para os viajantes aventureiros em busca de algo especial, de um fim de semana de descanso ou de um retiro para parar e ter tempo para si.

Então, pegue sua mochila e embarque na próxima aventura de descobrir o charme oculto das aldeias remotas de Portugal.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *